HOME SOBRE DIÁRIO DE VIAGEM LÍNGUA PERSA SEU GUIA FAQ CONTATO LOJINHA

Apresentação da Darvag Band em SP: um presente do Irã para o público brasileiro



 Darvag Band: concerto de música iraniana em São Paulo
Salam amigos! No dia 01 de dezembro de 2017,  tivemos a honra de prestigiar um espetáculo inesquecível. O conjunto musical Darvag Band apresentou pela primeira vez no Brasil um concerto de música iraniana. O evento gratuito, em única apresentação, foi organizado pela Embaixada do Irã e pela Secretaria Municipal de Cultura de São Paulo.   


Pouco antes das 21h, um público composto de iranianos e brasileiros apaixonados por música e cultura, entre eles queridos amigos e seguidores do blog aguardava com curiosidade o espetáculo no hall do acolhedor Teatro Cacilda Becker, localizado no bairro da Lapa, em São Paulo.

A Moça do Chá e amigas aguardando  ansiosas pelo espetáculo 
No palco, lindamente ambientando com tapete persa e mobiliário em estilo nômade, o conjunto formado por Hamid Reza Seyednia (maestro, daf e santur), Ehsan Naderian (vocal, daf e daryeh), Seyed Majid Naghibzadeh (vocal, tambor de zurkhaneh e daf), Saeid Seyednia (oud e kamanche), Hassan Ruhinia (flauta ney, gushmeh e gaita anbon) e Amin Bahman Saffar (tar, tonbak e daf) deu início a uma noite mágica e surpreendente, com plateia lotada.


O grupo Darvag inicia o espetáculo com um repertório clássico iraniano
Platéia lotada no Teatro Cacilda Becker

Casa cheia, público maravilhado com a apresentação!
 Durante o concerto, foram apresentados 5 estilos de música tradicional e regional iraniana: um repertório clássico, composto de canções em estilo tradicional, com ênfase para o arranjo instrumental e solos de cordas do santur e alaúde; percussão com daf, tonbak e tambor de zurkhaneh, interpretação da música regional Khorasani, interpretação da música regional do sul do Irã, entre outras improvisações.


Viajamos pela riqueza poética da música clássica iraniana
E conhecemos instrumentos exóticos e ritmos contagiantes
O público iraniano, com certeza se sentiu de volta à sua terra natal e os brasileiros ficaram maravilhados com a sonoridade hipnotizante dos instrumentos exóticos. Viajamos pelo sons  celestiais das cordas do santur e do oud, passando pela poderosa e variada família de percussão como o daf e o tonbak, e indo de encontro aos instrumentos de sopro como a melódica flauta de bambu ney e a exótica gaita de foles ney anbon, típica do sul do Irã. Os iranianos presentes na plateia marcavam o ritmo batendo palmas e cantavam junto as canções populares, enquanto os brasileiros se juntavam à alegria festiva que tomava conta do ambiente. Teve até os rapazes que se levantaram para dançar!   

Os rapazes que deram um show de dança! :)
Seria impossível, tentar descrever somente com palavras o sentimento de assistir a um concerto de música iraniana pela primeira vez aqui no Brasil. Somente quem esteve presente pôde sentir de perto a riqueza e a essência desta arte. Segue alguns depoimentos:

Lucia Carlessi: "Fomos assistir ao concerto da banda iraniana Darvag e foi uma experiência maravilhosa, me encantou! Conhecer um pouco da sua musicalidade, com uma percussão vigorosa e muito alegre. Vi instrumentos novos, que me encheram de curiosidade e a alegria da plateia, predominantemente iraniana foi contagiante. Assim, cada vez mais esse país me atrai a conhecer sua cultura e seu povo.” 
Amine Mustafe: “Estou muito agradecida pelo convite, foi certamente um dos três espetáculos mais lindos que já vi na minha vida, ao lado somente da apresentação de Qanun e do Circo da China. Parabéns ao Blog Chá de Lima da Pérsia pela divulgação!!” 
MH Yazdi: "A primeira vez que eu vi o cartaz do concerto, mesmo não conhecendo a banda, me emocionei por ter oportunidade de ouvir música tradicional iraniana ao vivo aqui em São Paulo. Sempre fui curioso para ver a reação dos brasileiros quando apreciam musica iraniana ao vivo e fiquei muito contente com o retorno positivo e empolgação dos brasileiros. Foi tudo muito simples porém muito bonito. Espero que trocas culturais que nem esse concerto, aconteçam mais vezes entre os dois países."
Luana Viegas: "Amo conhecer novas culturas e não poderia perder a oportunidade de assistir, pela primeira vez, um concerto de música iraniana. Foi incrível! Os músicos são muito talentosos e a melodia mexeu, de fato, com quem estava presente. Fiquei encantada com o som dos instrumentos, a sincronia com que eles tocavam e cantavam. Foi uma grande experiência e espero muito que ela se repita. Também não poderia deixar de lado algo que me chamou a atenção. Assim como brasileiros, a plateia também continha iranianos. Dava gosto de ver a alegria dos iranianos que dançavam ao som de seus conterrâneos. Sempre é bom ter um pouco do país, nem que seja por algumas horas, perto da gente Amei!" 
A presença da comunidade iraniana 


A seguir tive a honra de conseguir uma pequena entrevista com o grupo, traduzida pelo gentil Sr.Mohsen Khademi:

Chá-de-Lima da Pérsia: O que significa o nome do grupo Darvag? 
Darvag Band: Darvag na verdade é um grupo tradicional bem antigo da cultura persa, de quase 1500 anos atrás. Todo o povo iraniano gosta deste tipo de música tradicional do país.

Chá-de-Lima da Pérsia: Como foi estar pela primeira vez aqui no Brasil?

Darvag Band: Na verdade, nós nos apresentamos em vários países do mundo. E aqui pela primeira vez, porque a colônia iraniana é bem pequena, se compararmos por exemplo com os imigrantes dos países árabes que são mais de 5000 pessoas. Aqui no Brasil tem no máximo 700 ou 800 iranianos, por isso, a música iraniana é algo muito novo para o povo brasileiro. Mas se Deus quiser, no ano que vem, virão muitos grupos aqui para apresentar concertos tradicionais do Irã.

Chá-de-Lima da Pérsia: Vocês conhecem a música brasileira?

Darvag Band: Sim, conhecemos mais ou menos a música sertaneja do Brasil. Nós gostamos muito do forró, a música popular.

Chá-de-Lima da Pérsia: Qual é a mensagem principal deste concerto?

Darvag Band: É transmitir paz, uma mensagem universal. Mas também para mostrar a cultura do nosso o país, a paz que existe em nosso país. E também para mostrar a amizade do povo brasileiro com o povo iraniano.

Chá-de-Lima da Pérsia: Muito obrigada Darvag Band, estamos honrados com sua presença aqui no Brasil, foi uma noite inesquecível, esperamos vê-los de novo muito em breve!
Realmente, esta apresentação ficará gravada para sempre em nossos corações. Eu confesso que já estou com saudades e ansiosa pelo próximo concerto de música iraniana no Brasil! E vocês?
Agradecimentos muito especiais à minha querida amiga Karla Mendes da Embaixada do Irã, que me cedeu em primeira mão o material de divulgação do evento, ao Sr. Nematollah Sheikhi, que também me enviou material de divulgação, fotos e vídeos, e me ajudou a entrevistar os músicos. E a todos os amigos que aceitaram meu convite e estiveram presentes no evento e se emocionaram!


>>  Fiquem com um vídeo com trechos do concerto da Darvag Band: 



Deixe seu comentário e vamos mostrar que nós brasileiros também amamos a música e cultura iraniana!


Adoce o chá com seu comentário!

Postar um comentário