HOME SOBRE DIÁRIO DE VIAGEM LÍNGUA PERSA SEU GUIA FAQ CONTATO LOJINHA

Viajar para o Irã: você vai sozinha?

Como eu me sinto quando...
Salam amigos da Pérsia, estou escrevendo este post contando os segundos para a data mais esperada da minha vida. Isso mesmo, finalmente está chegando a minha hora de visitar o Irã!!! (Ui que frio na barriga!) Na madrugada de quinta-feira, a Moça do Chá vai embarcar para as terras da Pérsia e passar 21 dias conhecendo as cidades mais lindas, visitando amigos de longa-data e obviamente capturando o máximo de informação para compartilhar nesta nossa chai khaneh virtual!
A pergunta que mais me fazem a esta altura do campeonato é:  VOCÊ VAI SOZINHA??? 
Sim, VOU SOZINHA! Porém, sozinha eu posso estar durante as 14hs de vôo com 1 parada em Istambul, mais 5 horinhas (incluindo espera) até o Aeroporto Imam Khomeini em Teerã.  Mas estou otimista de que quando eu chegar na maravilhosa capital do Irã, não vão faltar companheiros de jornada. Além das vivências de alguns dias em várias casas de amigos em diferentes cidades do Irã do Norte central, e um ou outro hotel que porventura eu precise ficar por lá.  
Então como boa turista de primeira viagem, estou caçando informações que mais tarde podem ser úteis para todas as leitoras que querem embarcar nessa mesma "loucura", aventura, desafio, chamem como quiser! 

Eis o post de hoje: DICAS PARA MULHERES QUE VÃO VIAJAR SOZINHAS PARA O IRÃ: 

O que você vai precisar: um bom guia turístico é essencial, para passar uma temporada longa em outro país. Mas infelizmente não existe, ou eu não achei absolutamente nenhum guia sobre o Irã em língua portuguesa. Minhas referências serão os sites e blogs de viagem que eu indico por aqui. Mas se você quiser uma dica mais confiável, o guia Lonely Planet (em inglês), que você pode encomendar em alguma livraria ou comprar pela internet é atualmente a bíblia dos turistas estrangeiros que vão para o Irã.

O que você deve vestir: já falamos desse assunto em outros posts, mas nunca é demais reforçar. O Irã é uma República Islâmica, onde todos, até mesmo os turistas, devem seguir um código de vestimenta conservador e a forma que você se veste pode até mesmo indicar "de que lado você está" com relação à política. Mas não fique excessivamente preocupada com isso, afinal você está visitando um país onde o povo é extremamente gentil e hospitaleiro. Porém é admirável mostrar que você se informou antes de viajar e quer respeitar os costumes do país. 

Visite fóruns de viajantes e mochileiros na internet: 
Lá você encontrará diversos relatos de viajantes experientes e poderá tirar suas dúvidas. Eu particularmente não acesso  muito esses foruns, porque sempre estou em contato com pessoas de lá que viajam bastante. Mas para quem quiser duas dicas, em português há um tópico sobre Irã no: Mochileiros.com e em Inglês : Thorn Tree Forum - Lonely Planet

Fique esperta com a hospedagem: 
Tem muita gente que gosta de se aventurar na base do improviso e viajar sem nenhuma reserva de hotel ou hospedaria. Embora alguns dos meus amigos garantam quem em baixas temporadas como a que eu escolhi a maioria dos hotéis estão absolutamente vazios, não é bom confiar 100% na sorte.  É bom garantir uma reserva ou endereço fixo pelo menos  para passar os 2 primeiros dias em um hotel decente enquanto procura acomodações adequadas para o resto da viagem. Para nossa felicidade, há uma grande variedade de tipos e preços de hotel. Um bom quarto em um hotel 2 estrelas custa em torno de 30 dólares por noite. Há também opções mais baratas nas hospedarias ou hotéis sem luxo em torno de 15 a 25  dólares. Mas fique esperta! Nem todos os hotéis mais baratinhos são recomendáveis para mulheres que viajam sozinhas.

Fique alerta com os estranhos: vestir-se da maneira correta, como eu disse é fundamental, mas nem sempre isso garante que você estará totalmente livre dos assédios de algum rapaz "assanhadinho". Uma das formas de evitar que algum estranho confunda sua simpatia  com "algo mais", é evitar ficar encarando, manter certa distância do corpo da pessoa e  jamais tocar nele enquanto fala! Evite também dar risadinhas ou fazer charminho... Confie em sua intuição, por mais amáveis e delicados que sejam os iranianos, como em qualquer outro lugar existem os mal intencionados. Na pior das hipóteses, chame a polícia ou peça socorro para alguém próximo.

Imagem: Rocket News 24
Mantenha contato com pessoas locais: Apesar das últimas recomendações, não se acanhe excessivamente de manter contato com as pessoas locais, pois essas provavelmente irão trazer ajudas valiosas para sua viagem. Sabendo que você é uma turista, provavelmente elas irão convidar você para se juntar a elas em uma refeição ou piquenique. Se você está vestida da forma modesta, ninguém vai pensar mal de você por andar sozinha. E se você é tímida (como eu) somente aceite convites onde realmente estiver à vontade, por exemplo, em ambientes familiares, com mulheres e crianças ao redor. Os jovens especialmente são muito comunicativos e irão fazer muitas perguntas sobre o lugar de onde você veio, seja paciente com eles e diga que você está adorando conhecer o Irã!

Restaurantes: Dê preferência aos restaurantes próximos do lugar onde você está hospedada. Procure sentar-se perto de famílias ou outras mulheres. Os restaurantes são ótimos lugares para fazer amizades, mas se não estiver a fim de puxar papo com ninguém leve um livro ou revista e comece a ler enquanto espera pela refeição, ninguém irá te "amolar".

Imagem: The Washington Post
Romances, evitar ou não evitar? 
Talves no meio da viagem você conheça alguém realmente especial, e sinta o coraçãozinho bater mais forte... Isso é lindo, não? Mas é aí que a coisa complica! Há muitas questões que para nós brasileiras e ocidentais são naturalíssimas, mas para as mulheres iranianas são um grande tabu. A principal delas é o sexo antes do casamento. Enquanto muitos rapazes tem a ousadia de afirmar suas proezas sexuais (verídicas ou muitas vezes, puro fingimento) as mulheres nem sequer tocam nesse assunto. Ou seja, perder a virgindade antes do casamento, significa tecnicamente não poder casar com mais ninguém!
E para as turistas, como fica? Na realidade existem sim relacionamentos e até casamentos de iranianas com estrangeiros, mas isso ainda é algo bastante raro. Mas se você está irremediavelmente apaixonada por um iraniano, deve levar em conta que isso será um grande desafio, e terá que transpor várias barreiras culturais, como a linguagem, os costumes, a religião, a aceitação da família, a distância geográfica, entre outras. 
Não estou querendo desanimar ninguém, nem dizendo que é impossível, mas não vá se animando tanto com o primeiro iraniano que lhe der uma caixa de bombons. Faça muitos amigos e aproveite bastante! 


8 comentários

  1. Olá Janaina !

    Quero te desejar uma excelente viagem e que o Irã seja aquilo que vc tanto espera.
    Que sua estadia seja boa e tranquila.
    Vá confiante que tudo dará certo, pois eu sei que ´vc espera por esta viagem há bastante tempo.
    Quem sabe ano que vem não viajamos para as Arabias juntas.
    Bjsss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Salam Andreia! Tudo deu muito certo, graças a Deus! Espero sim que no ano que vem possa conhecer ainda mais do país do meu coração e suas terras vizinhas! Infelizmente não pude passear por Istambul, mas tudo oque e vi e vivi no Irã foi como um sonho! Voltei a 2 dias e já estou com saudades!

      Bjsss

      Excluir
  2. Prezada Janaina,
    Que legal ! Estou muito feliz por você!
    Desejo uma viagem incrível. Aproveite ao máximo as maravilhas das terras iranianas. Por favor, se puder faça um diário de viagem e depois conte tudo para nós, leitores do seu blog.
    Boa viagem!
    Khoda hafez,
    Ana.

    ResponderExcluir
  3. Boa viagem!!! E que tu tenhas uma estada feliz e tranquila no Irã, e não esqueça de nos postar sobre a viagem!!

    ResponderExcluir
  4. Boa viagem amiga Janaina. Qualquer coisa que precisar por la e eu possa fazer me avise! Garnde abraco!!!

    ResponderExcluir
  5. Salam, Jana Jan!
    Que Allah possibilite transformar todos os sonhos guardados no teu coração em mais pura realidade!!!!
    Rihla Saiida!

    ResponderExcluir
  6. Puxa! Antes de ir ao Irã no ano passado, li muito seu blog e achava que você morasse por lá...

    Aproveite muito sua viagem, você vai amar essa terra sobre a qual tanto conhecimento tem. Tudo, tudo, tudo é absolutamente fantástico, as pessoas, as cidades, costumes, hospitalidade... Tanto que estou querendo voltar lá em alguns meses.

    Boa viagem!

    ResponderExcluir
  7. Obrigada a todos pelo carinho demonstrado em minha ausência! Estou voltando com muitas novidades!
    Beijos da Pérsia!

    ResponderExcluir