HOME SOBRE DIÁRIO DE VIAGEM LÍNGUA PERSA SEU GUIA FAQ CONTATO LOJINHA

O Tapete mais Antigo do Mundo

Pazyrik, o tapete mais antigo do mundo
Você sabia? Em uma escavação arqueológica no ano de 1949, foi descoberto o excepcional tapete Pazyryk em algum lugar em meio as geleiras do Vale de Pazyrik, nas Montanhas de Altai na Sibéria. Atualmente guardado no Museu Hermitage de São Petersburgo, na Rússia este tapete foi encontrado na tumba de um  príncipe Cita e o teste do carbono 14 indicou que ele data do séc. V a.C. Com 283 x 200 cm e 36 nós simétricos por cm², a técnica avançada utilizada no tapete Pazyryk indica uma longa história de evolução e experiência nesta arte. O Pazyryk é considerado a mais antiga peça de tapeçaria do mundo. A sua decoração é rica e variada: o campo central, vermelho vivo é ocupado por 24 figuras cada um das quais em forma de botões de lótus estilizados dispostos em cruz. Esta composição é emoldurada por uma faixa de grifos, seguida por uma outra com figura de cervos. A faixa mais externa contém representações de cavaleiros e os cavalos representados no tapete são quase idênticos aos cavaleiros sobre um friso na antiga cidade de Persépolis. Segundo os pesquisadores, a possibilidade de que  este tapete tenha sido produzido pelos povos nômades da região de Pazyryk é extremamente remota. Devido a sua sofisticação e riqueza de detalhes, é provável que o tapete Pazyrik seja realmente um produto da dinastia  persa Aquemênida. Agora permanece o mistério, se o Pazyryk é um produto nômade com influência aquemênida, ou um produto dos Aquemênidas que foi parar por meio das rotas comerciais existentes na época naquela região?

(Páginas consultadas: Persian Mythology Facebook e  Nazmiyal)


6 comentários

  1. Salam, Jana Jan!

    belíssimo tapete, adoro tapetes! (somos suspeitas nesse quesito, não?)

    Bause Kbir

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Salam Denise jan! É vero, somos big fans dos tapetes! Imagina só como esse deveria ser ainda mais lindo na época em que foi feito!
      Beijos!

      Excluir
  2. Oi Janinha!
    Amo arqueologia... este tapete emblemático, com tanta história, aconchegando tantas gerações, ricamente tecido, nos faz viajar no tempo.

    Parabéns por garimpá-lo.
    Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Salam Cris! Imagina só pisar em um tapete desses dentro de um grandioso palácio Aquemênida!
      Obrigada pelo comentário.
      Beijinhos!

      Excluir
  3. Realmente uma maravilha!

    Não sou especialista nem nada... mas isso aí é um autêntico tapete aquemênida!

    ResponderExcluir
  4. Amei as matérias sobre tapetes. Quando eu for ao Irã vou realizar o sonho de comprar um. Bjs.

    ResponderExcluir